07 maio 2009

Dia 9 de maio à 01:01hs-O Festival de Wesak.

À 1h da manhã deste domingo, 09 de maio, teremos o Festival de Vesak, um dos três festivais de Lua Cheia mais importantes do ano. O Festival de Vesak celebra a iluminação do Buda, ocorrida no século VI a.C., e acontece sempre numa Lua Cheia de abril ou maio, quando o Sol está no signo de Touro e a Lua está em Escorpião.
Diz a lenda que Sidarta Gautama, o Buda, nasceu rico e em meio ao luxo, e a sua família fazia de tudo para que ele não encarasse o lado mais duro da realidade. Aos 29 anos, quando todos os indivíduos passam pelo primeiro Retorno de Saturno e sentem a necessidade de amadurecer, Sidarta resolveu abandonar a vida que levava, abrindo mão de tudo o que sua família possuía e seguindo uma vida de renúncia. Praticou um Ioga diferente do que se vê hoje no Ocidente e teve uma vida de asceta, mas percebeu que aquele não era o seu caminho.
Um dia, ao terminar de meditar debaixo de uma figueira, Sidarta encontrou enfim a iluminação. Tornou-se Buda, que significa “desperto”, “iluminado”, passando a compreender a verdadeira natureza dos fenômenos e o porquê da impessoalidade e impermanência desses fenômenos, que muitas vezes gera insatisfação. Ao despertar, o ser humano atinge a consciência e tem diante de si a possibilidade de ser plenamente livre dos condicionamentos físicos e mentais que causam sofrimento e a sensação de insaciabilidade.
Surgiu então o Budismo, que não é uma religião (pois não afirma a existência de um deus criador, não possui dogmas e nem almeja converter todas as pessoas), nem uma filosofia (pois vai muito além de um corpo conceitual e da reflexão intelectual). O Budismo prefere que o próprio seguidor defina aquilo que ele é, ao invés de cristalizar uma definição de si mesmo.
O Festival de Vesak marca a celebração da vida e da iluminação de Buda, assim como o seu nascimento e morte. Buda teria despertado durante a Lua Cheia do Vesak (isto é, com o Sol em Touro e a Lua em Escorpião, o que ocorre sempre no mês de abril ou maio), e, sempre nesta época do ano, temos as condições ideais para a iluminação e transformação na consciência dos seres humanos.
No Vesak, a Fase Cheia da Lua, como um cálice, recebe toda a Luz do Sol, de forma plena. A iluminação do Sol em Touro tem as características deste signo: fecundidade, abundância, nutrição e estruturação e, quando estas qualidades são recebidas pela Lua em Escorpião, que representa a transmutação dos desejos em aspirações mais sublimes, transformação, superação de crises e os ciclos da vida, o despertar e a iluminação podem surgir de maneira muito especial.
Todas as Luas Cheias são momentos de muita energia, nos quais o despertar, a transformação e a iluminação estão mais disponíveis aos seres humanos. Além do Festival do Vesak (Touro/Escorpião), temos a Festival da Páscoa (Áries/Libra) e o Festival de St. Germain (Gêmeos/Sagitário), este último associado ao Espírito Santo e a inteligência divina.
Portanto, bem na primeira hora deste domingo, nós teremos a oportunidade de, individual e coletivamente, buscarmos atingir a iluminação de Buda, tal qual ocorrida há mais de 2.500 anos atrás: buscarmos a ascensão do nosso espírito e despertarmos para uma consciência mais amplificada e plena, além de sintonizarmos coletivamente as diversas mentalizações, meditações, orações, mantras, canalizações e palestras que estarão ocorrendo ao rdor do mundo, em prol de um trabalho espiritual que acelere e aprofunde o processo de evolução planetária.

2 comentários:

  1. A GRANDE INVOCAÇÃO

    Do ponto de Luz na Mente de Deus, a Luz agora flui através da mente da Humanidade.
    Um reino de Luz agora emergiu na Terra.
    Do ponto de Amor no coração de Deus, o Amor agora flui do Coração da Humanidade.
    O Cristo retornou a Terra.
    Do Centro onde a Vontade de Deus é conhecida,
    o Propósito Divino agora guia a vontade da Humanidade,
    O Propósito que a Humanidade Ascencionada conhece e serve.
    Do centro que nós chamamos de raça da Humanidade,
    o Plano de Luz e Amor agora governa, tendo selado para sempre a porta onde o ego habita.
    A Luz, O Amor e o Poder Divinos restabeleceram o Plano Divino na Terra!
    E assim É , Amado EU SOU!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia,

    Informação:

    Na próxima quarta-feira, dia 13 de Maio, a partir das 00:01, entrevista com Murilo Hildebrand de Abreu, dos blogues «Palavra de Osho» e «Os nascimentos das palavras» no meu blog «Cova do Urso»

    http://cova-do-urso.blogspot.com/

    O dia 13 de Maio tem um significado especial para Portugal e Brasil. No nosso país ocorreram as aparições marianas em Fátima e no Brasil, a escravatura foi abolida. Não poderíamos estar mais sintonizados com uma data tão especial.

    Estando você na lista de blogs do Palavras de Osho, talvez queira conhecer o homem que edita um dos blogs mais interessantes da actualidade. Apareça para dar um alô ao Murilo.

    Quarta-feira, dia 13 de Maio, a partir das 00:01

    Grato

    António Rosa

    (Apesar de estar a promover a entrevista do editor do Palavras de Osho, fiquei gratamente surpreendido e apreciei o seu blog, que não conhecia. Parabéns.)

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...